Comentário no Salmo 1º

salmo1-2Quando paramos para comparar a vida que temos em Cristo com a vida vivíamos antes de sermos salvos por ele, fica nítido o contraste entre esses dois períodos da vida do nascido de novo. Contudo, essa nitidez não parece muito clara aos olhos de muitos cristãos. Talvez eles precisem analisar melhor a Bíblia e ver o que a Palavra revelada de Deus tem a lhes dizer sobre esse ponto. E essa análise, sem dúvidas, deve levar em conta o primeiro salmo.

É triste saber que muitos cristãos falham e ver a superioridade da vida cristã e, sobretudo, em vivê-la. Há felicidades, bênçãos, aprendizados e esperança que o mundo jamais pode oferecer. “Na tua presença há abundância de alegrias; à tua mão direita há delícias perpetuamente” (Sl 16:11).

Para viver a felicidade cristã é preciso descobri-la à luz da Bíblia. E para descobri-la é preciso romper radicalmente com o conceito mundano de felicidade e vida. E para ajudar-nos nisso, a Bíblia oferece ampla resposta.

Nessa série sobre o Salmo 1 pretendo destacar, é claro, com limitação, os pontos altos da vida do filho de Deus. Veremos como seu padrão de vida é abençoado e como sua vida é, do início ao fim, um canal de glorificação de Deus.

Por outro lado, veremos quão inferior é o padrão de vida do ímpio, aquele que, em seu coração, despreza o conhecimento de Deus e vive como se Ele não existisse. Umas das primeiras conclusões a que este salmo nos leva é ao absurdo da vida sem Deus e quão ameaçados estão os ímpios em sua conduta altiva e pecaminosa. “O Senhor conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá”.

Por fim, algumas aplicações serão tiradas deste precioso salmo de modo que a nossa vida com Deus experimente crescimento em satisfação, descanso, gozo e segurança.

Que o Senhor abençoe você, irmão leitor, nesse pequeno comentário.

Tiago Lino – Editor

1. Comentários em Salmo 1 – A felicidade revelada

2. Comentário no Salmo 1º – A fonte de toda Felicidade

3. Comentários no Salmo 1º – A vida guiada por Deus

4. Comentário no Salmo 1º – A perdição do ímpio

5. Comentários no Salmo 1º – A Recompensa do ímpio

6. Comentário no Salmo 1º – Conclusões e Aplicações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: