AS GLÓRIAS DA CERTEZA DA SALVAÇÃO 


A despeito de a segurança da salvação (às vezes mal compreendida pela frase “uma vez salvo, salvo para sempre) ser claramente ensinada e crida nas Escrituras, temos muitos cristãos que desenvolvem grande dificuldade de crer que o filho de Deus está eternamente seguro em Cristo. Uns por pouca fé, outros por desconhecimento e outros mais por acharem-na incompatível com uma vida realmente piedosa.
Não é meu objetivo aqui esclarecer o fundamento bíblico para confiar que a salvação não pode ser perdida. Sobre isso, sugiro uma leitura atenta dos textos bíblicos abaixo.

(Jó 19:26-27; Sl 23:4; Is 26:3; Jo 6:39,40,47; Jo 10:27-29; Rm 8:38-39; 2 Co 5:1,6; 2 Tm 1:12; 1 Jo 5:13)

O meu objetivo é apresentar rapidamente as consolações que desfrutam os que alçaram essa confiança, ou, por outro lado, a privação a que estão submetidos aqueles que se furtam de buscar essa convicção.

Contudo, vale ressaltar, antes, que essa convicção em nada se associa com a salvação em si. Explico melhor: há uma multidão de cristãos que não possuem a certeza da salvação ou são contra tal atitude, mas estão igualmente salvos com aqueles que dela desfrutam.

Consolo e paz

Não há dúvida que a certeza da salvação confere um consolo e paz inefáveis para as situações mais difíceis da vida. Seja diante uma grave enfermidade, de uma terrível tribulação ou mesmo da morte, o crente que tem em seu coração essa confiança é capaz de enfrentá-las com o coração e a alma destemidos, seja qual for o desfecho para cada uma delas. Enfrentar as situações que citei com o coração em suspense é torturante.

Uma experiência que me marcou profundamente foi ter presenciado o desespero de um velho crente, de mais de trinta anos de convertido, diante da iminência da morte. Ele me confessou que não sabia se estava salvo. Tal dúvida é um preço muito alto e desnecessário para quem tem fartas promessas nas Escrituras.

Santidade

Os que discordam da segurança da salvação geralmente acusam-na de promover o ócio. “Se já estou salvo, não preciso me esforçar para ser mais santo ou mais ativo”, é o pensamento que costumam exemplificar.

É um pensamento que não se mantém de pé diante das Escrituras. Quem mais fez pelo Senhor, quem mais renunciou a este mundo foram os mesmos que tiravam da certeza da salvação em Cristo Jesus a sua alegria e esperança. Aqueles que experimentaram a doce consolação de serem filhos de Deus lutarão para que ela aumente. E farão isso buscando serem mais próximos de Deus com suas obras de mortificação da carne.

Já pude testemunhar inúmeros casos de crentes que negligenciavam sua santificação por não terem convicção de sua salvação.

Serviço constante 

Outro ponto a ser ressaltado é a maior disposição de servir por parte daqueles que estão convictos de sua salvação. A razão me parece simples. Pense comigo:

Dois homens recebem dois lotes para plantarem. A pessoa que lhes doou também fez a promessa de que registraria o terreno no nome de cada um deles posteriormente. Quem irá trabalhar mais? O que duvidar do registro no cartório ou o que confiar que aquele que prometeu não pode voltar atrás? Quem mask tende a paralisar seus trabalhos? Acho que isso esclarece o que quero dizer.

Além disso, quem desfruta dessa convicção tende a superar melhor as barreiras que se lançam ao caminho. Por confiarem em seu salvador, sabem que não podem fracassar. Mesmo que aos seus olhos o trabalho pareça improdutivo, ele confia que Deus pode fazer a semente germinar.

Então, o que posso recomendar? Que busquem essa segurança com todas as suas forças. Há um oceano de alegria, consolo e paz para quem se lança nas águas da soberania de Deus. Porque “fiel é o que prometeu” (Hb 10:23).

Anúncios

Sobre Blog do Lino
Sou filho de Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: