Sua religião também foi inventada por homens?


Deus fez questão de revelar-se por meio de seus atributos, registrando-os nas páginas das Sagradas Escrituras. Não extensivamente, pois Seu ser é insondável.

E essa revelação é uma clara distinção que ele faz de si mesmo em relação aos deuses criados por homens, para que uma simples comparação traga à tona o absurdo que é a ideia de um outro deu além do Senhor. Se não, faça-se as seguintes perguntas:

1. Que outra religião ou livro religioso faz uma revelação tão profunda e detalhada do ser Divino?

2. Que outra religião ou livro admite o conceito de justiça, de santidade, de bondade, de misericórdia, de amor, de aplicação da ira, como o faz a Bíblia?

3. Que outro livro ou religião traz a concepção de um deus tão complexo, infinito em obras, sabedoria, e poder, mas ao mesmo tempo o apresenta como um ser que se relaciona com homens?

4. Que outro livro ou religião, em sua revelação de seu deus, apresentou um deus diferente da caricatura que toda mente humana é capaz de fazer: de um deus ávido por sacrifícios para que sua ira seja aplacada ou provoque suas bênçãos sobre o ofertante? Na Bíblia, Deus é o autor da oferta e a causa da bênção.

5. Que livro ou religião associa o transcurso do Tempo e da História como que afetados sempre pela vontade soberana de Deus? Ou seja, Deus atua neles.

6. Que livro ou religião foram capazes de falar de um deus autossuficiente, independente, imortal, incorpóreo, imutável, eterno, infinito, sábio, onipresente, onisciente, soberano, dentre tantos outros, conforme faz a Bíblia?

Olhando apenas por esse aspecto, podemos ver como a Bíblia vai muito além da concepção do deus que a mente humana é capaz de criar.

É demais para a mente humana conceber um deus parecido com o que a Bíblia apresenta. Por isso, podemos confiar na revelação que ela faz do ser Divino, na sua inspiração e na certeza de que foi o próprio Deus quem usou homens para que a Sua correta revelação fosse assegurada.

Eu ainda poderia buscar o conceito de graça, um assunto definitivamente ausente nos relatos da religião humana, dado sua fonte divina. A graça só pôde ser conhecida porque Deus se revelou, se deixou conhecer. E o ápice de sua manifestação ainda causa escândalo e confusão na mente humana: até hoje a obra e vida de Jesus divide o mundo.

“Eu sei em quem tenho crido”. Paulo

Eu também sei. E confio que Ele não é fruto da invenção humana, mas o eterno criador e Salvador de todo aquele que reconhece seus pecados e põe sua confiança nele.

Sua religião te dá essa confiança?

Anúncios

Sobre Blog do Lino
Sou filho de Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: