O Juízo Final é coerente e crível


A maldade e a injustiça dominantes no mundo causam enorme decepção se vistas à luz do materialismo cientifico e filosófico. A crença na vida que termina com a morte, no Deus que “está morto” e na ausência de padrões somente pode levar ao pessimismo e ver a existência humana como algo selvagem. Talvez isso explique o fato de muitos pensadores dessa linha de visão terem cometigo suicídio.

A Bíblia é categórica: não só há vida após à morte, mas ela será definida por nossas escolhas antes da morte. Rejeitar o conhecimento de Deus ou descobrir nele a fonte da nossa vida são atitudes que tem implicações eternas.

Isso é, sem dúvida, um Oceano de esperança em meio ao pessimismo gerado pela incredulidade materialista. Posso descansar no fato de que toda maldade e injustiça serão punidas, que seus proponentes prestarão contas e pagarão por suas ações.

Sei que, embora Hitler tenha escapado das mãos dos seus vencedores, ele, contudo, não escapará de Deus; sei que a milhões de mortes geradas pelo aborto serão individualmente cobradas pelo Deus de toda vida; sei que governos, políticos e ideologias terão suas ações e motivações desnudadas perante Aquele que tudo sabe, que tudo vê; sei que todos comparecerão, um a um, para explicar a vida que escolheram aqui.

Sei também que a ilusão do pecado será cruelmente revelada aos que viveram para promovê-lo em vida, que não será necessária nenhuma palavra de condenação, dada a própria consciência encarregar-se desse serviço. A luxúria, o egoísmo, a vanglória, a opressão, a soberba, a mentira, que tanto perseguem o homem desde berço, se revelarão desprezíveis diante da santidade de Deus.

Tudo isso sei porque “sei em quem tenho crido”. Ser soberano, o criador de todas as coisas, o Altíssimo, santo e justo dá a Deus o direito legal de exigir de cada indivíduo a prestação de contas por suas obras. Portanto, o juízo final, o inferno e a eternidade são perfeitamente críveis e a mais pura realidade. Para o ímpio, desespero amargo. Para o crente, doce esperança.

Quanto a você que não creu ainda, saiba que estás em inimizade com Deus. A menos que se arrependa de seus pecados e creia que Jesus é o filho de Deus enviado para perdoar os pecados dos homens, todas as consequências de seres um pecador e Deus terrivelmente santo estarão sobre seus ombros.

Há, contudo, tempo. Deus chama todos ao arrependimento. Demorar é insensato.

“Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo” Romanos 14:10

“Antes todas as coisas estão patentes e nuas aos olhos daquele com quem temos de tratar” (Hebreus 4:13)

“E vi um grande trono branco, e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu; e não se achou lugar para eles. E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus, e abriram-se os livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras. E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo”. (Apocalipse 20:11-15 – ARC)

 

No que em breve vem,

Tiago

Anúncios

Sobre Blog do Lino
Sou filho de Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: