Série Elementos Para Um Estudo Bíblico Produtivo: Ensinar


Por John MacArthur

Logo no inicio do meu ministério, eu descobri que o melhor meio de reter mentalmente algo é ensiná-lo aos outros. Preparar sermões cada semana tem uma maneira de perfurar a verdade de Deus dentro de sua cabeça. E as coisas que eu estudo profundamente para ensinar a minha congregação são as que eu tenho mais facilidade para lembrar.

Então quando se busca conseguir o melhor da Palavra de Deus, uma das melhores maneiras de solidificar sua verdade dentro de nossas mentes é ensiná-las.

Você não precisa ter uma congregação, mas existem outros locais e situações que darão a você as bênçãos e os benefícios de se preparar para ensinar a Palavra de Deus. Você poderia iniciar um estudo da Bíblia em seu trabalho ou em sua casa, ser um voluntário para o evangelismo local de sua igreja, liderar uma escola bíblica dominical, ajudar o ministério de jovens de sua igreja ou pregar o evangelho ao ar livre através do evangelismo em sua comunidade. Mesmo dedicando tempo para um devocional para uma simples família daria a você oportunidades para estudar e ensinar a Palavra de Deus.

Independente do lugar, uma das primeiras bênçãos de se ensinar a Bíblia é que você é forçado a dominar o assunto se você for efetivamente comunicá-lo aos outros. A pressão para se obter uma mensagem correta é um bom sinal – ela força você fazer bom uso do seu tempo e a estudar diligentemente.

Eu sei que não importa o que está acontecendo em minha vida, eu tenho de estar pronto para pregar no domingo. Isso é um prazo inflexível. Eu não posso arrastar meus pés e ficar que eu terei de me preparar para terça – lá não haverá ninguém para escutá-la na terça! O fardo de ter que preparar um sermão semana após semana é atualmente a grande bênção. É um poderoso encorajamento para organizar meu próprio tempo e disciplina para a causa da verdade de Deus.

As pressões para o ensino deveriam também manter você fundamentado na Palavra de Deus. Se você estiver apenas lendo e estudando a Bíblia para seu próprio benefício, você estará mais propenso a uma interpretação e aplicação subjetivas. Você começa a ver a Escritura somente em termos do que ela significa para você e por você.

Estudar para ensinar a Palavra de Deus força você a voltar para a eterna e universal aplicação daquela verdade. O estudo conduz você de volta ao público original e o que a passagem significou para ele. De fato, ele ajuda a reforçar a grande importância dos princípios de interpretação que nós discutimos nos artigos anteriores. Além disso, ele coloca você de frente com suas próprias necessidades e circunstância espirituais e ajuda você a trazer a eterna verdade de Deus para suportar a vida de Seu povo.

Nem todo mundo está destinado a ser um professor de tempo integral da Bíblia – seus dons espirituais devem fazer você útil ao corpo de Cristo de outras maneiras. Contudo, sem dúvida existem pessoas em sua vida que são menos espiritualmente maduras e tem menos entendimento bíblico do que você. Estudar a Escritura sem apenas seu próprio beneficio espiritual em mente, mas com os deles também, ajudará você a obter mais da Palavra de Deus.

LEIA A SÉRIE COMPLETA AQUI

Postado originalmente em 4 de outubro de 2012

Tradução: Tiago Lino

Fonte: GRACE TO YOU

Desde que preservada as fontes e o conteúdo, a reprodução é livre.

Anúncios

Sobre Blog do Lino
Sou filho de Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: