Avivamento sob o prisma do Velho Testamento – Parte 1


Por Gerard Van Groningen

O tema sobre o qual pediram que eu falasse é: Reavivamento Sob o Prisma do Velho Testamento. Devo confessar que esta é a primeira vez, nos meus 70 anos, que fui solicitado para falar sobre este assunto.

Eu sei que a palavra ocorre no Velho Testamento em diferentes lugares, que pode ser encontrada com freqüência nos livros de História da Igreja, e que de modo natural costumamos cantar “aviva-nos novamente”. Isso é muito conhecido por nós. Há três termos no meu tema que são desafiadores e, de alguma forma, intrigantes: reavivamento, prisma, e Velho Testamento.

Começando com o termo reavivamento, podemos notar que ele ocorre em Gênesis, Juízes, Samuel, e Salmos. Segundo esses textos, uma pessoa pode ser reavivada ou revivificada em diferentes áreas da vida.

Em Gênesis 45:27, vemos a respeito de José mandando que trouxessem o seu pai e lemos que o Espírito de Jacó, seu pai, reviveu. A palavra hebraica usada significa: “fazer o espírito vivo novamente, vivificado”. Embora ele não estivesse morto, sem dúvida alguma estava muito abatido de espírito, muito triste; e ele reviveu, tornou-se reavivado em seu espírito. É muito difícil dizer que foi um reavivamento espiritual nesse caso; pois, ao que tudo indica, o que correu foi um reavivamento emocional.

Em Juízes 15:19, Sansão estava muito faminto e sedento, mas, quando ele bebeu água, seu espírito recobrou alento e reviveu. Novamente ocorre a mesma frase, mas desta vez referindo-se ao bem estar físico e não apenas emocional.

Em I Samuel 30:12, encontramos Davi que há três dias estava sem comer ou beber, então lemos que o seu espírito retornou, reviveu, quando ele comeu novamente. A palavra hebraica usada aqui significa “retornar, voltar” portanto, o seu espírito voltou a ele.

Agora, quando vamos ao Salmo 80, aprendemos que a palavra também se aplica a um reavivamento, uma revivificação da alma. No verso 3, temos: “faze-nos voltar (restaura-nos) ó Deus, faze resplandecer o teu rosto e seremos salvos”; no verso 7:”faze-nos voltar (restaura-nos) ó Deus dos Exércitos, faze resplandecer o teu rosto, e seremos salvos”; no verso 14: “volta-te para nós”. O mesmo verbo está usado aqui, mas agora, não com o sentido de “restaura” mas de “volta”; no verso 18: “não nos iremos de após ti,(reaviva-nos) guarda-nos em vida, e invocaremos o teu nome”. Então aqui temos o verbo “reaviva-nos” que significa “fazer reviver” em lugar de “retornar” ou “voltar”. Na verdade este Salmo é uma súplica por uma volta, um reavivamento.

No Salmo 85:6, a questão colocada é: “não tornarás a vivificar-nos para que o teu povo se alegre em ti?”. Em hebraico lê-se mais ou menos como se o salmista estivesse dizendo: “deixa-me respirar novamente, traze-me o fôlego novamente”.

Mas o Salmo 19:7 diz que “a Lei do Senhor (a Toráh) é perfeita, e refrigera (vivifica) a alma”. A Lei do Senhor, a Palavra do Senhor, revivifica, reanima completamente a minha vida.

Também em Isaías 57:15 encontramos este termo: “Porque assim diz o alto e o sublime que habita na eternidade, cujo nome é santo: Num alto e santo lugar habito, e também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e também para vivificar o coração dos contritos”. Conforme o contexto desta passagem, o Deus Soberano, Sublime, que habita na eternidade, condescende-Se a descer até o homem penitente, o homem contrito de espírito, para vivificá-lo.

Há outras passagens que tratam desta renovação. Em Habacuque 3, por exemplo: Deus restaura, Deus vivifica, e Deus renova. E Habacuque ora para que a obra de Deus continue e ela seja renovada, restaurada de uma maneira nova.

Então, sumarizando o ensino bíblico sobre a palavra reavivamento, ou vivificação, vemos que ela se aplica ao físico, ao emocional, assim como à situação interior do coração do homem penitente. Em Habacuque, e em outras textos, vemos Deus descendo até o homem e trabalhando com ele, renovando a Sua obra nele.

O que é que os irmãos querem aqui no Brasil? um fortalecimento físico e emocional? ou um reavivamento espiritual? O que queremos aqui é ver Deus trabalhando em nosso meio? O que é que se necessita aqui? Estão pensando apenas em uma renovação litúrgica? Quando se fala em reavivamento será que nós estamos apenas descontentes com o passado? Estas são perguntas que vieram a mim, e continuam a vir, e também são perguntas igualmente relevantes nos Estados Unidos. No ano passado eu estive na Austrália, onde trabalhei por 14 anos, e novamente a mesma pergunta veio, a solicitação por reavivamento. Mas diante destas perguntas: que tipo de reavivamento? onde? e quando? Sobre isso não há resposta. Todos sentimos que é um problema, mas como escapamos dele? como de uma prisão? E é então reavivamento que se supõe ser extraído do Velho Testamento para ser conduzido a um ponto. Como então esse material do Velho Testamento nos leva ao reavivamento? Essa é a questão!

O Velho Testamento é um livro grande, e nós não o escrevemos, Deus o escreveu. É um livro com tipos diferentes de literatura: narrativas, livros de sabedoria, e poesia. A nossa segunda tarefa, portanto, é olhar, nos registros do Velho Testamento, as passagens que tratam da vida religiosa.

Leia a série completa AQUI

Fonte: Monergismo

Anúncios

Sobre Blog do Lino
Sou filho de Deus.

3 Responses to Avivamento sob o prisma do Velho Testamento – Parte 1

  1. Paulo Moral says:

    Gostei muito desse tema Tiago. Parabéns. Espero que muitos leiam.

  2. Blog do Lino says:

    Sim. Ele nos chama a uma profunda reflexão dos propósitos eternos de Deus e nosso papel nele. Muito Bom!

  3. Blog do Lino says:

    Durante o texto me lembrava muito de suas preleções sobre o Pentateuco, sobretudo no que diz respeito ao propósito de Deus com Adão, sua queda, a eleição de Abraão até Jesus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: